Um quarto musical

Um quarto musical

Casal não queria decoração com cara de bebê e optou por um espaço que remetesse ao rock and roll

 

 

Divulgação

 

 

Na hora de montar o quarto do bebê, muitos casais têm optado por uma decoração mais simples e que possa ser aproveitada por muitos anos. Foi o caso de um casal de clientes do Maison Belle & Petit, que desejava um quarto que não tivesse cara de neném.

A grife então sugeriu o berço Droit, que se transforma em mini cama e escrivaninha e pode ser aproveitada em diversas fases da criança e uma cômoda contemporânea para guardar as roupinhas do bebê e que funciona como trocador na parte de cima. No lugar da tradicional poltrona de amamentação, foi colocada uma poltrona em estilo retrô.

 

 

Divulgação

 

 

O projeto do quarto, de 10 metros quadrados, ficou a cargo das arquitetas Andreia Penteado e Paula Korte, da Korte e Penteado Design de Interiores. “O pai do bebê é músico e gosta de rock. Então, as cores escolhidas foram azul marinho, vermelho e branco, cores da bandeira da Inglaterra e que remete aos Beatles”, disse Andreia.

Também foi tirada uma foto do violão do pai da criança. A imagem foi transformada em um adesivo e colado na porta do quarto do bebê.  Para complementar a decoração foi utilizado um tecido que imitia tijolos em duas paredes e criou o efeito de papel de parede. Deixou o espaço ainda mais aconchegante e é fácil de limpar, podendo ser aspirado.

 

 

Divulgação

 

 

 

Divulgação

 

 

A escolha de tecidos também foi cuidadosa pela Belle Petit & Maison. Na poltrona, um tecido de lona com a bandeira de Londres e na cama auxiliar, o edredom envelope em jeans. As almofadas decorativas eram de tricot e as de encosto em tricoline, chambray e fustão.

Para o porta treco, sacolinhas de chambray vermelho com fustão branco e chambray azul jeans com fustão branco e outro com a mesma lona com estamapa de bandeira utilizada na poltrona.

 

 

 

 

 

Divulgação

Tel: (11) 97446-5844 - Horário marcado com Adriana

 

WebMarketing by Inventive.